Os 10 princípios da Educação Distribuída

Estamos vivendo um momento único na história: uma brecha para uma mudança real de como enxergamos o outro e o mundo à nossa volta. É fácil perceber que essa nova geração de crianças tem apresentado, logo cedo, um nível muito alto de empatia. No entanto, a socialização infantil, e em especial nosso sistema educacional, empenha grande esforço em moldá-las de acordo com seus padrões e encaixá-las em sua estrutura mercadológica.

Em contraposição a essa estrutura massificante, nós do Céu de Brasília temos como objetivo oferecer um ambiente acolhedor no qual as crianças possam exercitar características necessárias para construção de uma sociedade mais equilibrada.

  • Incentivo à apropriação do espaço por toda a comunidade escolar;
  • Valorização das qualidades em detrimento dos defeitos;
  • Constante reflexão sobre o papel da educação;
  • Conjunção da teoria e prática;
  • Flexibilidade de tempo e espaço;
  • Incentivo ao envolvimento com a comunidade e com a natureza;
  • Acolhimento de iniciativas educacionais informais;
  • Reconhecimento da importância do lúdico;
  • Encorajamento de atitudes que exercitem a solidariedade, a confiança, a autorreflexão, o protagonismo, a autonomia e a colaboração;
  • Desestímulo a atitudes que fomentem a competição, o medo, a crítica, o conformismo, a dependência e o individualismo.